quinta-feira, 8 de julho de 2010

NA CABEÇA!

O que vem por aí em termos cerebrais é fascinante e ao mesmo tempo um assombroso novo modo de viver a vida. Não se trata do desvendamento dos mistérios da mente ainda, apenas da massa encefálica, aquele monte de miolos-moles cinza e branco. Eu que já estou acostumado a pensar com a minha própria cabeça (e não estou falando de influências de outras) não me assusto com muitas coisas. Afinal, a gente se acostuma a tudo, não é mesmo? Basta vir uma novidade, maciçamente propagandeada e, uma resitenciazinha aqui, outra ali, e logo, logo, todo mundo adere dizendo que é evolução. Há pouco tempo tinha um cara que ficou famoso na televisão e cujo bordão que lhe garantiu uma fama era “faz parte”, quem não se lembra? Esse irritante conformismo sem explicar nada e se contentar resignadamente com tudo é o maior símbolo do senso comum traduzido em expressões de domínio popular. Condensar todo o pensamento manipulado no “faz parte”.
Bom, eu assisti a um programa no canal Discovey Science que tratava do cérebro humano. O que os cientistas estão fazendo para escarafunchar os escaninhos da massa encefálica não é brincadeira, não! Depois de descobrirem cada setor e dar-lhes nomes tipo córtex, lobo, cerebelo e outras partes que esqueci, já sabem a função de muitas coisas, como agem de forma independente o lado direito e esquerdo, mas solidários e integrados. Agora estão conseguindo isolar alguns mecanismos responsáveis por certas coisas que acontecem na vida da gente.
No programa, por exemplo, mostraram uma cirurgia onde foi extirpada uma pelezinha, um pedacinho estragado que era responsável por ataques epiléticos. A pessoa se curou e nunca mais precisou de medicamentos. Descobriram áreas onde aconteceram traumas, seja psicológicos ou fiscos e eliminaram com uma eficiência de dar gosto. Quanto mais vão escaneando e digitalizando os procedimentos, mais avanços vão conseguindo. Chegaram ao ponto de acompanhar uma mulher em pleno orgasmo através de uma ressonância magnética. Muito legal o processo. O cérebro dela estava doidão no momento clímax. Tem razão, pois os cientistas afirmam que, ao contrário do que muita gente pensa, o maior órgão sexual que possuímos não está do pescoço para baixo. É mesmo o fantástico cérebro. Disseram ainda que esse é um problema que não vai mais acontecer daqui a pouco tempo. Isso combinado com o fim das broxadas masculinas graças aos comprimidinhos azuis vai aposentar de vez a frustração sexual de quem se interessar. Desse modo, o “comandante” vai, daqui a pouco, poder ser programado. É o homem imitando a máquina, quem diria!

Imagine a raiva poder ser controlada por chip no lugar de uma massa revolta, amansada por fortes remédios que causam vários efeitos colaterais? O esquecimento em quem você votou nas últimas eleições, de onde colocou as chaves ou do horário de um compromisso sem necessidade de anotação será coisa do passado. A fome, o medo, a angústia, a tristeza, a saudade (será?). Tudo isso controlado por um simples aperto de botão de um controle remoto (o único inconveniente que vejo ate agora é ter que andar com mais um aparelho no bolso ou na bolsa).

Só com o pensamento ainda não conseguiram mexer com a ajuda da tecnologia.. Mas com o senso comum do jeito que é, vai ser necessário?



10 comentários:

gorettiguerreira disse...

Fantástico é ter tudo isso mastigadinho e pronto pra gente que te ama né Cacá.
Você é fantástico, capcioso e além de bem informado tem um senso de humor com um jogo de palavras que encanta o leitor.
Faz parte parte pata eu é: Manter o pensamento cada vez mais primitivo e intacto com cheirinho de pensantes feito você meu querido amigo.E não sou contra o progressso, mas apelo pro bom senso em chavões que empobrecem e emburrecem os "BAMBANS" DESSA GERAÇÃO SEM CONTEÚDO.
Meu anjo e como é que você consegue me fazer rir depois de uma noite a meio gritos de enfermos?... Eu letrista da nossa MPB...kkkkkkkkkkkk
Adoro você meu Escritor poeta
Beijos de luz.
Goretti

gorettiguerreira disse...

Esse artigo seu é muito dez. Nem queria esse detector de orgasmo me entregando Cacá. Para os broxados vai ser maravilhaaaaaaaaaaaaaaaa.
Beijos.
Goretti.

Elaine Barnes disse...

Caramba amigo,vamos ser robôs ? Nusss é assustador!Você é demais! Está sempre um passo a frente enquanto eu enalteço o valor das panelas em analogia do feminino com o masculino rs... Adorei seu texto hiper reflexivo> Parabéns! Montão de bjs e abraços

Mulher na Polícia disse...

Bom!!!

Mas acho que esse controle remoto do "comandante" dele deve ficar com a esposa. kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Lisa Alves disse...

Já sou voluntária para o projeto cyborgue, embora não tenha garantias que continuarei sendo eu mesma. rs

pensandoemfamilia disse...

Muito bom, tudo na cabeça, será?
Onde vamos parar, eu fico a perguntar? Para onde vai a manada?
Parabéns pela forma como trata estes assuntos tão complexos.

Abços.

Maria Emilia Xavier disse...

Interessante, mas não vou gostar não. Que mundo mais sem graça vai ser esse. Você deve ter lido "Admirável Mundo Novo" do Aldous Huxley, você gostaria de viver lá? E olha que o que eles estão querendo fazer aqui é nivelar por cima, tudo igual e lá era por camadas sociais. Huxley previu e eles estão correndo atrás de mais... Tô fora. Aliás estarei fora mesmo, se for, puder e se deixarem acontecer.

Marliborges disse...

Oiiiiiii Cacá,
É, e diz que a dor física também será eliminada da face da terra só apertando botões. Mas, tudo dependerá (sempre tem um senão, haha)do tamanho do tal de aparelho que teremos de carregar não é? Mas deve ser micro, aí, sem problemas. Imagine, tudo sob controle, o cérebro funcionando a mil! Mais natural impossível! Rsrs. Será que usaremos toda nossa capacidade cerebral? (Diz que a gente só usa um terço). IH,ih, quero só ver!!! Sonha marli!!! Bjssssss

lis disse...

Nossa Cacá que beleza será esse futuro todo robotizado!
será que terá graça ? cerébro programado e a gente só apertando botão ? sei não!
pena que nao vai dar pra ver! rsrs
vou embora antes .

abraços Cacá, boa sexta feira

Toninhobira disse...

Pois é Zé,homem maquinizado,robotizado,controlado,parece coisa do maluco Raul.Imagina a aplicação desta parafernália no controle de mentes com tendencia a violencia,até que seria bom demais.Mas lembro de Cerebro Eletronico do Gil e creio que o homem vai chegar por ai.Mas a gente sempre se acostuma,mas brigamos contra a mesmice e paradigmas.Uma boa cronica amigo.

Web Statistics