sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

ANAGRAMAS

Se uma vírgula faz muita diferença no significado de um texto, já pensou uma letra trocada de lugar? Uma perda pode virar pedra. Veja bem:

Imagine o extremo de trocar dois pontos cardeais. Basta uma troca das primeiras letras de leste e oeste e olhe aonde mandamos a pessoa? Se o erro for trocar o oriente pelo ocidente, será um acidente de percurso. O contrário vai deixar a pessoa precisando de quem a oriente.

Uma fragrância flagrante é surpresa cheirosa. Já um flagrante fragrante pode ter um terrível mau cheiro moral, dependendo do produto que estava sendo surrupiado ou contrabandeado.

Se você cair e fraturar mas escrever  ou disser que flatulou, vai ser difícil arranjar auxílio. Ficará com a dor (sem odor), porém com a pecha de porco e mal educado.

Uma carta magna cuja função é botar ordem nas coisas todas pode virar uma carta manga (ou na manga). Aí pode ser um simples blefe de jogador, uma estratégia de um competente profissional ou pode virar ofensa nacional se, por exemplo, forem os congressistas aumentando os próprios salários para quase o dobro e estão de saída, quase no último dia de seus mandatos. Os outros que estão chegando recém eleitos, em tese, não tem culpa (mas aceitam de bom grado). Quando a vida é limitante, só virando militante a gente concerta conserta.

20 comentários:

Inaie disse...

caca, voce escreve com uma leveza deliciosa, com um ritmo embriagador... obrigada!

Yasmine Lemos disse...

Bom dia amigo Cacá
quero agradcer sua palavras de carinho
obrigada
um abraço enorme e um otimo dia pra vc

Chica disse...

Tu és DEZ!!!Sempre maravilhoso e atento, com bom humor...legal te ler!abração,chica

Kenny Rosa disse...

Amigo. sua criatividade é espantosa e agradabilíssima. Obrigado pelas letras, pois independente do lugar em que elas estão, as suas são muito bem vindas sempre.
Abraços!
Kenny Rosa (http://cronicandocomvoce.blogspot.com)

Marli Borges disse...

Pois é, Cacá, lamentavelmente essa CARTA MANGA nem se esconde mais na manga. Agora ela habita, gloriosa, a nossa CARTA MAGNA e, te digo mais, a coisa ficou tão LIMITANTE que nem virando MILITANTE a gente consegue CASSAR o MANDATO dessa turma. O jeito mesmo é conseguir um MANDADO e CAÇAR esses senhores, um a um, e colocá-los direto atrás das grades. Rsrs.

pensandoemfamilia disse...

Bela e leve forma de mostra erros crassos que mudam todo um sentido e que nos leva a uma insiciva crítica política.
Parabéns e concordo em gênero e grau com a Marli em seus comentários.
Abços

Mulher na Polícia disse...

Isso é que é "mandar bem a letra".

Ecreveu, não leu...

Um beijo, Cacá!

CESAR CRUZ disse...

Excelente texto, Cacá! Sim, tudo isso é um absurdo se deixarmos ocorrer, mas o que espantou mesmo é a tua capacidade de construir um texto desses, engraçado e exato. Uma obra de arte. Parabéns!

O lance da pontuação me fez lembrar deste texto clássico, em que uma vírgula quase pôs o digníssimo deputado na cadeia, veja:

1) Deputado rouba, atenção na reunião!

2) Deputado rouba atenção na reunião!


É isso aí.

abrços
Cesar

Felipe Faverani disse...

Oi, Cacá, tudo bem?
Grande frase esta: "Quando a vida é limitante, só virando militante a gente conserta".
Muito bons os anagramas.
Abraço.

Amapola disse...

Boa tarde, querido amigo Cacá.

Ler você é delicioso. Aprende-se muito, de forma leve, solta, e bem humorada.

Um grande abraço.

Diogo Didier disse...

Eu q o diga Cacá! me deparo com muitas situações dessas quando vou corrigir as redações dos meus alunos...é babado! rsrsrsrsrs...

bjoxxxxxxxxxxxxxxx no coração!

Lis disse...

... saudades das nossas madrugadas por aqui Cacá
ainda fora de casa mas quase voltando .
passo ra deixar ums fotos das minhas tardes que cadia dia é sempre mais surpreendente!
abraços

- interessante o jogo de palavras, gosto de te ler meu amigo!

gatinhafofa disse...

gostei de ler este post. é interessante ver como uma troca de letras nos pode levar para um mundo de loucura. eu por acaso raramente me costumo enganar mas se por acaso isso algum dia acontecer peço muitas desculpas. bom fim-de-semana amigo!!

Lúcia Soares disse...

Cacá, muito bom!
Você tem a garça e a leveza de uma graça! Ops, troquei as bolas...rsrsr
Muito bem bolado o texto. Espero que já esteja em algum livro seu.
Abraços!

Betha Mendes disse...

Oi, Cacá (Ops, quase que eu trocava alguma letra)!
É uma "braiação danada", como diriam aqui na minha terra...

abçs de Betha

Marcio JR disse...

A fartura que existe em nossa língua é algo apaixonante.

Você brincou, magnificamente, com algumas poucas palavras, mas tenho certeza de que tem uma enorme reserva, com as quais ficaríamos horas aqui, apenas se divertindo com essa lingua fantástica.

No entanto, é como bem disse. Se não souber como utilizar toda essa variedade, a coisa acabe ficando bem feia... rsrsrs.

Fantástico, Cacá. adorei.

Abraços.

Marcio

Elayne C.A. disse...

Adoro suas brincadeiras com as palavras! Perfeito,Cacá! Parabéns!

Web Statistics