quarta-feira, 8 de setembro de 2010

A ETERNIDADE DO MELÃO


O Marcelo é um cara agregador. A sua aura é daquelas que exalam uma energia  tão boa, que acho difícil até mesmo para um estranho  que lhe aborde para qualquer coisa não querer permanecer em sua companhia por mais algum tempo. Eu não sei se posso me considerar seu amigo. Pelo menos gostaria. Depois de muitos anos sem notícias mútuas, nos encontramos outro dia. A gente ali naquele papo de atualizar as trajetórias e ele me disse o quanto a sua vida havia mudado de uma hora para outra. É que tornou-se pai de quadrigêmeos. Virou notícia no jornal da televisão aqui em BH.  No entanto não tinha uma olheira sequer, mesmo me dizendo que seu ritmo é levantar no máximo às quatro da manhã para fazer a sua parte nas mamadeiras, ajudar a carregar uma ou duas das meninas enquanto as outras mamam, trocar fraldas, etc e depois sai para o trabalho, no escritório de advocacia, aquela loucura de reclamados e reclamantes , audiências, petições e recursos. Ah, e ainda me contou que continua com sua banda tocando nas noites. Ele gosta muito de rock e disse-me que agora faz um cover de Elvis Presley.  Toca pelo menos uma vez por semana em bares e festas. Eu disse, depois de verificar que nesses anos todos e num turbilhão assim, a receita da boa genética e da conservação pelo espírito tranquilo estava com ele.

A medicina já está anunciando que vamos poder chegar saudáveis até os 100 anos. Eu disse para ele que algumas pessoas vão precisar mesmo de uma ajuda da medicina se quiserem. Acho que ele não vai precisar. E olhe que ele possui um sócio que tem todos os ingredientes para melar a sua longevidade! O outro é uma bomba relógio armada. Destemperado verbalmente, intolerante e impaciente, quase sempre de mau humor. Creio que o Marcelo seja o seu ponto de equilíbrio. O sócio dele, se quiser viver 100 anos, vai precisar e muito da ajuda de tecnologias médicas.

Muita gente nesse mundo tem um desejo de se eternizar. Uns por algum feito memorável outros pela permanência em carne e osso aqui na terra. A consciência da nossa finitude é o que acho que mais assusta e faz as idiossincrasias de cada um. Alguns buscam exercer a hipocrisia da bondade que não possuem com medo quase religioso do que possa haver depois da morte. A maioria, no entanto se contenta em fazer o bem por pura consciência de que está cumprindo seu papel de vir, deixar uma boa contribuição e partir desta. Mas é muito difícil encontrar alguém que queira morrer de bom grado, mesmo com a consciência tranqüila, né não? Portanto, vamos vivendo por ai nos equilibrando nesta dicotomia impalpável.

Bom, e o que o melão tem a ver com isso? Eu só ia falar dele no dia 31 de dezembro, quando vai fazer um ano que eu o comprei.  Está já com nove meses, quase dez e permanece intacto na fruteira daqui em casa. Não desidratou  que nem um maracujá maduro, não amadureceu mais, nem apodreceu - como poderá alguém pensar. Está viçoso e com a mesma aparência que veio da feira até hoje. O que o homem fez com o melão é o que deve estar sendo preparado em termos de eternidade para a genética humana. Já, já, vamos poder escolher entre o que está no seu interior e o que ele aparenta por fora.

11 comentários:

Chica disse...

Sei,naõ!!! Se fores abrir esse melão vai sair um lulinha,querenso se eternizar,rsrrss...Deixa fechado e toca no lixo!!!rsrsr abração,chica

Tati Pastorello disse...

Oi Cacá, tudo bem? Meu marido é da turma deste seu amigo Marcelo, com isso é de uma jovialidade ímpar. Admiro muito, por que sou mais da turma do sócio dele, explosiva, brigona, intempestiva...
Agora a curiosidade ficou por conta do melão. Que melão é esse? Comprou na feira? Numa banca normal? Há nanotecnologia nele? POr que do experimento? Aqui em casa melão, ou qualquer fruta, estraga, se não consumido a tempo. Você mora sob uma pirâmide? Lembro de uns experimentos que um amigo-místico do meu pai fazia, colocando uma fruta sob uma pirâmide e outra do lado de fora, para mostrar que a que estava sob a pirâmide durava mais... Eu era criança e achava aquilo o máximo... hehehe Será que ele descobriu a fórmula da eterna juventude e esqueceu de divulgar? kkkkk
Beijos.

Adh2bs disse...

Bons dias, prezdo amigo!
Bela notícia do reencontro com um amigo marcante, que certamente terá seu lugarzinho garantido no céu, pelo desvelo e bondade que vive! E o seu melão? Inacreditável, mais o fato de ainda estar na fruteira do que a data distante em que foi adquirido... Aqui em em casa ele já teria sido devidamente "operado" no dia da feira mesmo... :-)
Grande abraço,
Adh

Isadora disse...

Cacá, algumas pessoas, definitivamente, vieram a essa vida com esse jeito assim: paciente, tolerante. Eu admiro os que são dessa forma naturalmente, sem esforço! Eu vim de outra forma - rs!
Quanto ao melão, é digno de estudo. Quase dez meses e permanece da mesma maneira? Você imagina como está por dentro?
Enfim, mistério.....
Um beijo

gorettiguerreira disse...

Meu querido e cheirando a melão... saudades de suas belas Crônicas cheias de ensinamentos e sempre uma pitada de humor inteligente.
Eu? Digo versinhos de uma "Sininho" que sonha e sonha com seus personagens horas reais, mas sempre com um sopro de mim.
Obrigada por merecer seus comentários.
Gosto de seu gosto por canções com letras e melodias sensíveis como seu coração.
Desculpe, ando ausente da nete por questões de trabalho, mas amo tudo que escreves, Cacá.
Como foi o lançamento de seu livro?
Me diz como posso fazer para ter um exemplar seu e autografado querido.
Bjs de lua.
Goretti

Mari disse...

Oi Cacá...

Com certeza bons pensamentos e alegria de viver prolongam a vida.
Encontrar tempo para fazer o que nos dá prazer também...este deve ser o caso do papai Marcelo.
Agora, quanto ao seu melão...penso que seu fosse eu, teria medo de ver como está por dentro!!!

Beijos

Cantinho do Neno disse...

oi cacá , adorei a visita .seus comentarios estão na minha lista de melhores comentarios sabe fiz uma lista em papel
bjs neno

HSLO disse...

Amigo Cacá, realmente nossos gostos combinam...Bethânia, Pessoa e ai você me pergunta se gosto do Chico. Mas é claro que sim...a própria Bethânia não seria diva sem o Chico...ele é um homem que amo, sem vergonha de dizer. Mas é um amor intenso sabe...de entrega total (risos).
Tenho um paixão especial por todas suas músicas, TODAS. Mas, tem uma que me marca muito que é Olhos nos Olhos.
Acredite já liguei o som do carro bem alto em praça pública, direcionando essa música a uma pessoa que amava e deixei de amar.
Ah...já vivi muitos amores com as músicas do Chico.

abraços
meu amigo.

Sandra disse...

oLHA!!! É BOM PENSAR..

AMEI O COMENTÁRIO NA INTERAÇÃO REFE AO PROGRAMA DO QUARTO. SÓ VOCE.
tBÉM FUI NA BIENAL DO LIVRO. AMEI.
NA CURIOSA TEM AS FOTOS DE ALGUNS MOMENTOS DO PASSEIO. ESTA COMO BIENAL, VIAGEM, CASO QUEIRA CONDERIR.

OLHA, TROUXE A EXPLICAÇÃO DO QUE VC ME PEDIU.
SOCITEI AS ORGANIZADORAS DO BLOG BLOÍNQUÊS..
Olá! Eu sou, digamos, a 'dona' do Bloínquês. Tive a ideia e a coloquei em pratica. No começo, o Bloínquês, era só de ajuda aos membros. Blo: de blog. E ínquês: de links. Após um tempo, em 13 de janeiro, começou a ter novas funções, como dar temas e as pessoas escrever sobre os temas propostos... Começou a crescer e não parou mais. Hoje com mais de 870 membros na comunidade, o projeto possui cerca de 5 edições semanais. Desde visual a musical, poemas, entrevistas.
O Bloínquês, foi o primeiro projeto a ter chat, disponibilizou ajuda, a ter mais de uma edição semana, a dar selos aos vencedores, entre outras coisas. E sempre buscamos inovar, para ajudar os blogueiros.

UM GRANDE ABRAÇO
SANDRA

lis disse...

Voce consegue fazer um texto falando de um amigo com uma naturalidade tão bonita que quase nos tornamos amigos também rs Isso é uma boa crônica!
desperta o sentimento de reencontro com detalhes ddo cotidiano, adorei Cacá.
E seu olhar captou uma possiblidade de através da maneira de viver alcançar a longevidade tão comentada e visível ultimamente.
Já esse melão ... se a aparência ainda é boa pode ser que comprastes meio verde e foi amadurecendo , corta logo Cacá rsrs depois me conta rs
abraços , meus abraços

Toninhobira disse...

E vai ficar olhando este melão,até quando amigo? Faca nele e bom apetite.Mas voce me arruma cada uma,rsrs.Um abraço de luz e paz.

Web Statistics