terça-feira, 17 de novembro de 2009

SEDUÇÃO

Diante da pergunta sobre o que me seduz para um relacionamento afetivo, eu respondi como um pretendente a bom cozinheiro que sou. Arroz com feijão é uma combinação sedutora aos olhos e satisfaz ao estômago sempre que se está com aquela fome insurgente. Depois a gente passa a sentir com mais apuro os temperos neles colocados. Às vezes dá uma vontade de uma saladinha, uma carne, uns legumes ou ainda algum requinte, sem exageros. Variar os temperos também evita que a fome caia naquela rotina que enfastia logo na primeira garfada.

A sedução começou lá no arroz com feijão, lembra?




PARA VIVER UM GRANDE AMOR (Vinícius de Moraes)

Para viver um grande amor, preciso
É muita concentração e muito siso
Muita seriedade e pouco riso
Para viver um grande amor
Para viver um grande amor, mister
É ser um homem de uma só mulher
Pois ser de muitas - poxa! - é pra quem quer
Nem tem nenhum valor


Para viver um grande amor, primeiro
É preciso sagrar-se cavalheiro
E ser de sua dama por inteiro
Seja lá como for
Há de fazer do corpo uma morada
Onde clausure-se a mulher amada
E postar-se de fora com uma espada


Para viver um grande amor

Para viver um grande amor direito
Não basta apenas ser um bom sujeito
É preciso também ter muito peito
Peito de remador
É sempre necessário ter em vista
Um
crédito de rosas no florista
Muito mais, muito mais que na modista


Para viver um grande amor
Conta ponto saber fazer coisinhas
Ovos mexidos, camarões, sopinhas
Molhos, filés com fritas, comidinhas
Para depois do amor
E o que há de melhor que ir pra cozinha
E preparar com amor uma galinha
Com uma rica e gostosa farofinha

Para o seu grande amor?


Para viver um grande amor, é muito
Muito importante viver sempre junto
E até ser, se possível, um só defunto
Pra não morrer de dor
É preciso um cuidado permanente
Não só com o corpo, mas também com a mente
Pois qualquer "baixo" seu a amada sente
E esfria um pouco o amor
Há de ser bem cortês sem cortesia
Doce e conciliador sem covardia
Saber ganhar dinheiro com poesia
Não ser um ganhador
Mas tudo isso não adianta nada
Se nesta selva escura e desvairada
Não se souber achar a grande amada
Para viver um grande amor!

1 comentários:

Aliz - jornALIZta disse...

Que lindo, Cacá!
Estamos com saudade de você. Venha nos ver em dezembro, nós vamos nos encontrar de novo.

Beijinhos

Web Statistics