quinta-feira, 19 de março de 2009

ENTRE TANTOS MOTIVOS

Escrever às vezes é o que me incide. O que “dá na telha”, como se diz por ai. Ocorre que às vezes escrevo o que dá na telha e não é o que penso. Ai penso e reescrevo. E nem sempre foi o que deu na telha. Entre pensar e ocorrer fico com o que está escrito. Já escorreu. Meço as palavras? Quase! Se é texto, reconstruo, reescrevo, refaço, repenso. Se é poema, deixo ao vento, ao sol, ao relento. É puro sentimento. Quem gostar que sinta. Quem não gostar que apague da memória.

1 comentários:

SIMEI DE ALMEIDA disse...

Meu prazdo Cacá!

Da coisa simples você transmitiu sentimento, suas escritas é pura poesia.

Vou sempre degustar deste seu "pão de queijo" é sempre muito saboroso.

Se quizé uma sobremesa friínha, vá na minha cosinha, deguste-a e de boas risadas!!!

Abração

Simei

Web Statistics