quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

ANO BISSEXTO

Desculpem-me pela longa ausência involuntária. Volto em muito breve e visitarei a cada um(a) que aqui esteve. Obrigado a todos pelo carinho e presença.




Hoje é um dia de verdade?

O dia 29 de fevereiro é de verdade ou uma invenção humana? O tal ano bissexto, que deveria se chamar biquarto, dada a sua existência a cada quatro anos, parece ficção, mas está aí. Amanheceu 29, lindo por sinal. Pelo menos aqui no sudeste do Brasil. E vai cumprir sua sina inexoravelmente. Com sol aqui, chuva acolá, frio mais além, como faz a cada quatro anos, desde que o homem, para adaptar o calendário romano aos movimentos da terra perante o majestoso sol, instituiu que fevereiro, a cada quatro anos seria assim. Tenhamos mais ou menos dívidas para pagar. Temos  sete meses com 31 dias e apenas quatro com 30, o que já é uma covardia do tempo com a igualdade dos meses e com os que vivem às custas das vendas de suas horas de trabalho.

Podem consultar nos dicionários e compêndios de ciências as explicações astronômicas porque não vou fazê-las aqui. Apenas direi do incômodo e ao mesmo tempo do encanto de ter convivido  já com muitos anos bissextos. Quando criança, a curiosidade maior era com o Seu Abel, lá de minha Itabira, dono da única venda de jornal e revistas da cidade, que (diziam) fazia aniversário nesse dia. Os poucos cabelos que lhe restavam, eram brancos e, ao mesmo tempo,  tinha a idade de um jovem. Para mim ele só podia contar anos nesse dia, portanto, tinha 4 a menos que os seus  comtemporâneos. Logo, como poderia envelhecer igual aos outros mortais?

Mais adiante nos estudos vinha a tal explicação científica (mal dada),  de como funcionava o encaixe do dia, sem convencer, claro, já que a uma criança e, às vezes até a um  adulto mesmo, se não der para se apalpar a explicação ela cai no descrédito.

Ao assumir certas responsabilidades que a vida impõe, vem a tristeza de um dia a mais nas contas. Água, luz, telefone... E um dia a se esperar a mais para o próximo salário.

Portanto, nenhum ponto a favor até agora para esse intruso. Às vezes as definições que damos para o correr da vida variam de acordo com o lugar de onde olhamos as coisas antes de definí-las. Por exemplo, eu poderia dizer que, pelo menos a cada quatro anos, tenho um dia a mais para envelhecer menos. No olhar de alguém mais jovem, já me disseram aqui, que é um dia a mais que tem de  ser vencido para se chegar “lá” (aonde, não me perguntem). E para terminar, uma definição do dicionário diz que bissexto é para designar aqueles que pouco produzem. No caso dos poetas, tem que se fazer uma coletânea para se chegar a uma obra completa. De quatro em quatro anos.   

63 comentários:

Georgia disse...

Pois é, ontem a Ana Pitangueira falamos do qto estamos preocupadas com vc e hoje encontro este teu texto e o anúncio da tua volta.

Que bom que "parece" que tudo está bem...novamente.

Seja bem vindo!

Te desejo uma semana abencoada

Bjao

✿ chica disse...

Que bom te ver e acabei de te ler no EM QUANTOS!!! Volta logo, estamos com saudades! abração,chica

Aleatoriamente disse...

Cacá amigo, que ausência mais longa!
Não sabes que sentimos tua falta?
Hoje é um dia de muita verdade srsrsrs.
Mas pensar nestas coisas que citou é bacana, ao mesmo tempo engraçado.
Cacá bom te ter de volta.

Beijos.

Artes e escritas disse...

Hoje é o dia, não havia parado para pensar nele. Boa crônica! Um abraço, Yayá.

Rô... disse...

oi meu querido,

quanta saudades de te ler...
que delicia que está voltando!!!
será mesmo que esse dia é de verdade?
também fico a pensar...
um dia que só aparece de 4 em 4 anos...
muito estranho!!!

bom retorno meu amigo!
beijinhos

Casal 20 disse...

CLAC! CLAC! CLAC! (são palmas rsrsrs) Rapaz, que falta que você faz! Que bom que voltaste!

Jardim das poesias infantis/Magia em versos disse...

Bom dia Cacá!
Sua presença faz falta aqui na blogsfera.
Interessante, leve divertida abordagem do ano bissexto que você deu.
E fica sempre a dúvida:
que nasceu nesse dia comemora antes ou depois, quando não for bissexto?
Um grande abraço e uma semana de ótimas energias.

Mariazita disse...

Meu querido amigo Cacá
Que alegria em ver vc de novo!
Já estava com saudades de seus deliciosos textos...
Como este, por exemplo, em que vc aborda um tema aparentemente simples mas, na verdade, complexo, que é o ano bissexto.
Espero que tenha vindo para ficar, ainda que demore um pouco mais.
Ficarei aguardando...

Beijinhos

Renata Diniz disse...

Oi Cacá! Que ótimo você ter voltado. Cheguei a pensar que o meu blog estivesse com problema nas atualizações. Suas letras são preciosas demais, não demore. Abraço forte!

pensandoemfamilia disse...

Muito bem vindo, saudades deste espaço repleto de seus pensamentos.
Estive a "matutar" sobre este 29 dias e os aniversariantes e vc veio com seu texto ampliando meu pensar..


Saiba que tem convbite para vc lá no meu espaço.
bjs

Marcio JR disse...

Cacá, meu amigo. Bem-vindo em seu retorno.

Essa questão de ano bissexto já deu muito nó em meus neurônios quando eu era molecote. Nasci e ano bissexto, meu pai e minha mãe também, assim como meu filho, minha ex-esposa e meus dois sobrinhos. Ou seja, em minha família, sejam parentes naturais ou agregados, a tradição é ser nascido nesse dito ano.

Certo dia, um amigo me disse o seguinte: meu corpo não é regido por calendários, e sim pelo dia-a-dia, que querendo ou não, eles existirão, e assim envelhecerei da mesma forma.

No fim das contas, o dia 29 de fevereiro acaba sendo apenas um "dia de acerto". Para quem é do sul, é "mais um dia no nosso verão", o que, convenhamos, não é nada ruim.

Abraços, Cacá.

Marcio

Diogo Didier disse...

Bem vindo amigo...como faz falta na blogosfera pessoas como vc, de verdade!

Quanto ao texto, eu concordo com vc. Mesmo com as possiveis "vantagens" desse dia, na realidade as desvantagens acabam superando-as e atrapalhando o nosso cotidiano.

Bjoxxxxxxxxxxxxx querido e não desapareça mais!

Jacques disse...

Bem vindo de volta à sua casa, amigo Cacá.
Também fiquei fora da blogosfera algum tempo e estou matando a saudade dos colegas blogueiros.
Sobre o ano bissexto, acho que em termos práticos ele não significa muita coisa, é mais uma curiosidade calendárica mesmo.
O que realmente importa é aproveitarmos o tempo que nos é dado, já que ele é finito.
Abraço, Cacá.

Celina disse...

OI CACÁ, ESTOU TÃO CONTENTE COM A TUAS NOTICIAS, ESTOU CONVALECENDO DE UMA CIRURGIA NA VISTA, AQUELA QUE FIZ O ANO PASSADO AGORA QUE OPEREI O OUTRO OLHO, CORREU TUDO BEMM GRAÇAS A DEUS,NÃO PODERIA DEIXAR DE TE DA AS BOAS=VINDAS, ESPERO QUE ESTEJAS BEM.UM ABRAÇO SAUDOSO CELINA.

Denise disse...

Coisa boa te ver de volta, que "susto bom" levei....rsrs

Minha caçula nasceu em ano bissexto, e é fato que sempre nos rondam essas questões, curiosidade infantil, noções de temporalidade...no entanto, meu amigo, hoje especificamente, pra mim foi um dia extra para viver perto da minha filha que está casando daqui a uns dias...um dia que vivi a verdade dessa alegria esticada...calendário ampliado que, pela primeira vez, fez sentido pra mim...

Abraço forte de bom retorno!!!

Meire Oliveira disse...

Cacá querido amigo, que saudade senti de te ler!!! Muito bom ver vc de volta.
Muito louco mesmo esse lance de ano bissexto, quem deve ficar louco mesmo são as pessoas que nascem dia 29 de fevereiro, tem que ouvir milhões de piadas!

bjos de carinho! :)

zelia maria disse...

Bom dia zé. Saudade e muita de você. Espero te encontrar antes do proximo 29 de fevereiro. Beijo de zélia

Lúcia Soares disse...

Tanta gente se despedindo da blogosfera, voluntariamente ou não, temporariamente ou não, que é muito bom a volta. Espero que seu ano seja de muitas alegrias e realizações.
Abraço, amigo.

LUCONI disse...

Com muita alegria hoje encontrei você aqui de volta a tua casa, que delicia, poder ver em primeiro lugar que está bem e que voltou com tudo, adorei tua crônica, ano bissexto eu nunca entendi, mesmo por que é de quatro em quatro como falou, mamãe dizia que era ano de azar, para mim é igualzinho a qualquer ano, com a diferença que temos um dia a mais no meu caso para receber o pagamento rsrsrsrss...... beijos Luconi

Adh2bs disse...

UAI, mundo, que bão que ocê vortô!!!
E já foi pondo uma pulga atrás da nossa orelha, não é que não tinha pensado nisso? Só nos coitados que nascem nesse dia, quantas festas a menos ao longo de suas existências... E nunca pus reparo se já escrevi algo nesse dia... Caso negativo, vou esperar quatro anos para fazê-lo, se é que não vou esquecer disso até lá... Grande abraço, bem vindo, até o próximo post!
Adh

* Edméia * disse...

*Querido Cacá !!! *

Estou contente por vê-lo de volta

aos escritos aqui neste teu blog !

*Você está bem ?!

*Você descansou ?!

*Olha, Cacá, não acredito

na CONTAGEM DO TEMPO !!! *Na

verdade, ele é ETERNO e sempre

O MESMO !!! (*Nós seres ditos

Humanos é que gostamos de inventar

moda !!! Essa é a VERDADE !!!).

*Falando de tempo, recordo-me

de um poema do grande poeta

ITABIRANO "Carlos Drummond de

Andrade ! "

Celêdian Assis disse...

Meu querido amigo, me junto a todos que demonstraram muita alegria em tê-lo de novo por aqui e que coisa boa é ler quaisquer se seus textos.

Pois é Zé, essa coisa de ano bissexto dá mesmo nó na cabeça da gente. No último dia 29 li um artigo com explicações científicas e achei interessante a explicação de que nenhum de nós nascidos em em dias diferentes de 29/02 podemos considerar nossos aniversários no dia X, pois assim como os nascidos neste dia 29, que não sabem se comemoram no dia 1/3 ou 28/02,em anos não bissextos, também sofremos a variação desse tempo em nossas datas. Enfim, acho que ficou meio confuso, mas vou reaver o artigo e depois te envio..rsrs.
Excelente seu texto, como sempre.
Um grande abraço, meu amigo.
Celêdian

Cynthia (Astroterapia Junguiana) disse...

Na realidade o Ano bissexto é colocado como mito, mas não é nada demais. Cynthia

Eva disse...

Oi Cacá, fiquei feliz em saber que voltou, eeeeba, seja bem vindo, amigo, adoooro seus textos, estava com muitas saudades, abraços, querido, bom retorno!

Rita Lavoyer disse...

Cacá! Cacá! Cacá! Vi você lá na Cia dos blogueiros.
Cara , parabéns pela chegada.
Será radiante, Verá!

Grande abraço
Rita Lavoyer

SIMEI disse...

Se não tivesse o tal bissexto eu seria 14 dias mais novo (rs)

Feliz retorno, bom vê-lo com seus ricos escrevinhamentos.

Espero que seus dois meses e meio de férias tenha sido fantástico....

Abraços, para você e os seus....

Sueli Gallacci disse...

Cacá!

Saudadona de vc, menino!

Eu tbm andei ausente, mas já to di vorta! rsrs.
Espero que agora fique de vez! Aff, como é dificil administrar o tempo na velhice kkkkkkkk
To quase botando fogo no relógio! rsrs.

Não me abandone, vissi?... Te espero lá na minha prosa!

Um bjo mais maior de grande!

Casal 20 disse...

Querido Cacá, queremos te oferecer um lindo selo de artes que ganhamos. Está lá no nosso blog. Abraços sempre afetuosos. Fábio.

C. disse...

Oi Cacá!

nas minhas idas e vindas, pelo jeito agora é você que deu uma sumidinha rs

Eu queria ter nascido no dia 29/2 mas nasci no dia 17/2, assim nao comemoraria aniversário todo ano, sairia no lucro rss


Beijinhos, e aproveite bem seu período de pausa, estaremos à sua espera!!!

Tretswelt disse...

oiiiiiiiiiiii,te mando um beijaodonordeste de Minas,viu?Teofilo Otoni?Pote,la ondeo vento faz a curva.hihi.Bjuuuu.Luciene.

a Flor Enigmática disse...

Lindo Dia de Um Feliz Reencontro.Moço sumido,pensei que estavas bravo comigo,MAS ESTE RETIRO,Foi bom para você mas me preocupei contigo.Hoje passei no ToninhoBira e pude te ver por Lá.

Mais um Livro,mais uma cria.Sucesso Cacá.
Saudades.
Bjus\Flor*

Tais Luso disse...

Que bom que está voltando... mas demorou, amigo! Saudades de suas crônicas.
bjs.

Amapola disse...

Boa noite, querido amigo Cacá.

Havia tanta superstição sobre essa data...
Eu demorei a entender.

Fico feliz com a sua volta.
Deus o abençoe.

Beijos.

Carla Fernanda disse...

Boa noite!
Estou em visita por recomendação do meu amigo Toninho. Parabéns pelo livro Cacá e que os dias passem mais leves...
Boa noite!

Vanessa Gaia disse...

Olá, te conheci através do nosso amigo Toninho Bira, e adorei o seu Blog...portanto estarei voltando sempre...abraços

Smareis disse...

Oi Cacá,
Espero que tudo esteja bem contigo.
Estamos te aguardando de pé na porta.

Abraço!

Sabor de Pitanga disse...

Oi Cacá!

Vim desejar a você e sua familia, uma Feliz Páscoa.

Muitos coelhinhos de chocolate! Só tome cuidado para nao engordar... rsrsrs

Saudades de você.

Abracao da Pitanguinha

Inaie disse...

Feliz pascoa Caca. Sentimos a sua falta. Espero que esteja tudo bem e que o seu sumico seja so preguica.

Muitos beijos


PS tambem vim para trazer uma noticia triste. A Glorinha do cafe com Bolo faleceu - e se voce a conheceu, tenho certeza que vai ficar tao chateado quanto nos. Ela foi uma pessoa especial.

Maria disse...

Meu amigo passei para lhe desejar uma Páscoa muito feliz.
Beijinhos
Maria

Lilian disse...

Ei meu camarada...Por favor, retorne logo, estou com saudades de você e seus textos!

Denise disse...

Esperar a gente espera, mas o que fazemos com a falta que vc faz?

Bjos, com o apaelo de "volta, Cacá"......

LUCONI disse...

Cacá estou com saudades, dá uma canja pra nós de vez enquanto, só pra matar saudades, espero que esteja tudo bem, fica em paz, beijos Luconi

;-) disse...

Fiquei feliz com seu comentário no meu blog! Pode publicar o texto, viu?
Abraço,
Priscila

Aleatoriamente disse...

Cacá kd você?

Seja sempre o que é.
Só assim desvendarás qualquer labirinto.Mas a poesia de tuas palavras fazem falta...
O Criador nos ensinou a realizar.
A natureza é seu elo com Ele.
Volta poeta.

Juliêta Barbosa disse...

Cacá,

"Somos tão menos, um sem o outro".(Leo Buscaglia) Por isso, sinto a tua falta. Bjs

pensandoemfamilia disse...

No aguardo do seu retorno, a corrente dos amigos da blogosfera.
bjs.

ELAINE disse...

Olá! Estou vindo do Blog do Toninho Bira! Ele fez uma homenagem linda a você.... E eu percebi que não te conhecia... E depois de ler a homenagem, saí procurando e aqui estou... E valeu a pena! Parabéns pela postagem! Já estou seguindo o blog! E ficarei muito feliz, honrada e agradecida de quiseres retribuir me seguindo também! Seja bem-vindo! Uma semana feliz e cheia de oportunidades! Abraço carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

Tina disse...

Olá!

Vim através de vários posts de blog´s queridos em homenagem a vc.
Com tanto carinho, reconhecimento, saudade, pensei, vou lá conhecer o cara :)

Não sei o motivo da sua ausência, mas bem percebi o motivo de tantos post´s, a falta que a sua presença faz.

“Desejo que tudo que mais lhe importa floresça. Que cada florescimento seja tão risonho e amoroso que atraia os pássaros com o seu canto, as borboletas com as suas cores, o toque do sol com seu calor mais terno, e a chuva que derrama de nuvens infladas de paz. Desejo que, mais vezes, além de molhar só os pés, você possa entrar na praia da poesia da vida com o coração inteiro e brincar com a ideia que cada onda diz”.
Ana Jácomo

Vitoria Lucio disse...

Olá querido amigo, estou ausente da net, motivos de doença em família, hoje, passeando li algumas (merecidas) homenagens escritas para você. Amei e compartilhei, pois o tenho em grande estima, desejo que você volte em breve com o seu gentil carinho em nossos blogs. Que tudo seja mais fácil para você amanhã do que já tenha sido hoje, pois na vida tudo passa... Importante mesmo é ser feliz o mais que se possa ser. Sucesso! E o meu carinho, sempre. Beijo da nuvem.

✿ chica disse...

EEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEba!!! Que bom te ver e nada pra agradecer!! Estávamos realmente todos amigos com muitas saudades!!! Viu só, cedinho nos encontrando? Isso ´é bom, isso é rotina!!! abração, bom retorno!!chica

Anne Lieri disse...

Cacá,que bom te ver de volta comentando nos blogs!Como disse a Chica não tem nada que agradecer,nós gostamos muito sinceramente de vc!Se cuida e procure se levantar,amigo!Bjs e meu carinho!

Samara Bassi disse...

Amado meu! Que bommmmm ve-lo de volta por aqui. Tem nada que agradecer nada mesmo. Você merece e mais, merece muito mais e todos os aplausos desse mundo.

Aguardamos felizes e anciosos a sua volta, claro, no seu ritmo, sem pressa, mas saiba, tão esperada.

Beijo na alma e grata sempre por seu carinho e amizade.

Sam.

Marcio JR disse...

Cacá, meu amigo.

Anne, Chica, Neno, Leninha, Otilia, Majoli, Toninho, Sam, Celêdian, Nanda e eu fomos apenas uma pequeníssima parte daqueles que querem tua volta. Não fizemos nada além de expressar nosso desejo de tê-lo aqui, entre os amigos.

Quando pensamos nisso, e convidamos os amigos, todos ficaram elétricos para te deixar um abraço e um afago. Foi tudo muito rápido, e até creio termos cometido injustiças, pois no afã de escrevermos, acabamos esquecendo um sem número de pessoas que, com toda certeza, participariam dessa nossa postagem.

Você não faz ideia do quanto essas milhares de pessoas que te conhecem te precisam por aqui, entre nós.

Então, faça o que fizer, volta logo. Nem que seja para um café com bolinho na casa de cada um.

Cacá, você é uma referência para esse povo todo, e deixou a todos um cadim mal acostumados.

Fica com meu abraço, e se sinta abraçado por todos os que participaram, e também por todos os que leram e se sentiram aliados nesse nosso pedido.

Marcio

Sabor de Pitanga disse...

Nossa! Estou mais que feliz, Cacá. Você voltou com esse sorriso (na foto) e esse seu jeito educado de ser. Todos nós sentimos sua falta. E digo sem medo de errar: todos nós estamos muitooooooo felizes com seu retorno.

Faco votos que voce esteja bem física e espiritualmente. E voce nao tem absolutamente nada que agradecer. Qualquer coisa que necessitar, pode contar comigo.

Quanto ao jornalismo, meu caro, é vergonhoso... Eu mesma conheco pessoas que nem de longe poderiam possuir um diploma ou mesmo usar o título de jornalista! Tenho lido e escutado cada coisa!!!

Odeio pessoas tendenciosas mas, infelizmente, é o que mais se vê na sociedade... Eu como nao combino com isso, estou sempre batendo de frente... Sou muito verdadeira e nao tenho partido, sou pelo correto.

Abracao e um excelente retorno, KK


*Foi isso aí que respondi pra voce, lá no Sabor...

Filha do Rei disse...

Oi, José Cláudio! Foi visitando o blog do Márcio que li o post sobre ti. Fiquei curiosa e aqui estou verificando :)
Gostei muito e estarei sempre por aqui.
Tenha uma linda semana!

Web Statistics